Tratamento

              Métodos para acabar com o vício

Hoje, já existem no mercado diversos métodos para acabar com o vício do cigarro, basta querer e ter força de vontade.
Métodos:

· Goma de mascar com nicotina  –   são pastilhas que libertam pequenas doses de nicotina diminuindo os sintomas da abstinência.    
· Skin Paches são pequenos adesivos que colados à pele, libertam mais nicotina do que a goma de mascar.    
 · Spray nasal – este spray liberta menos nicotina que a goma e os patches, mas chega mais rápido ao sistema circulatório.    
· Inalante – o inalante tem a mesma forma do cigarro, o que leva o indivíduo a achar que está a fumar, pois imita o gesto mão-para-boca do fumador só que com 1/3 da nicotina do cigarro.   
· Zyban este é um método sem nicotina, trata-se de uma droga antidepressiva que auxilia nas crises de abstinência  

.

Todos estes métodos devem ser receitado e terem acompanhamento médico.

                   Tratamento do tabagismo

Parte inferior do formulário

1 – Abordagem Cognitivo – Comportamental:

É uma abordagem que combina intervenções cognitivas com treinamento de habilidades comportamentais, e que é muito utilizada para o tratamento das dependências. Esse tipo de tratamento geralmente é feito por psicólogos ou médicos treinados.

Os componentes principais dessa abordagem envolvem:

1) A detecção de situações de risco de recaída;

2) O  desenvolvimento de estratégias de enfrentamento.

2 – Tratamento Farmacológico (ou medicamentoso):

O tratamento medicamentoso pode ser utilizado como um apoio, em situações bem definidas, para alguns pacientes que desejam parar de fumar. Esse tratamento tem a função de facilitar a abordagem cognitivo-comportamental, que é a base para parar de fumar.

Existem, no momento, algumas medicações de eficácia comprovada na cessação de fumar. Esses medicamentos são divididos em duas categorias: medicamentos nicotínicos e medicamentos não-nicotínicos.

Os medicamentos nicotínicos, também chamados de Terapia de Reposição de Nicotina (TRN), se apresentam nas formas de adesivo, goma de mascar, inalador e aerossol.
Os medicamentos não-nicotínicos são os anti-depressivos bupropiona e nortriptilina, e o anti-hipertensivo clonidina. A bupropiona é o medicamento de eleição nesse grupo, pois segundo estudos científicos, é um medicamento que não apresenta, na grande maioria dos casos, efeitos colaterais importantes.

Critérios para utilização do tratamento medicamentoso:

  • Para prescrição de apoio medicamentoso, sugerimos critérios de acordo com o grau de dependência física da nicotina:
  • Fumadores  pesados, ou seja, que fumam 20 ou mais cigarros por dia;
  • Fumadores que fumam o 1º cigarro até 30 minutos após acordar e fumam no mínimo 10 cigarros por dia;
  • Fumadores com escore do teste de Fagerström, igual ou maior do que 5, ou avaliação individual, a critério do profissional;
  • Fumadores que já tentaram parar de fumar anteriormente apenas com a abordagem cognitivo-comportamental, mas não obtiveram êxito devido a sintomas da síndrome de abstinência;
  • Não haver contra-indicações clínicas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: